MHD (contínua)


O sistema IKA MHD 2000 (mistura-homogeneização-dispersão) foi concebido para a mistura de sólidos (pós, grânulos) com líquidos. É utilizado principalmente para processamentos completamente contínuos. A unidade MHD é particularmente adequada para aplicações que cumpram pelo menos um dos seguintes critérios:
  • A maior parte do processamento deve ocorrer em uma única passagem.
  • Incorporação até 80% de concentrações sólidas em uma única passagem.
  • Ocorrência imediata de uma reação após a mistura.
  • A fase líquida já é altamente viscosa.
  • Minimização da quantidade de energia necessária para o processamento da mistura.
  • O sólido é granuloso e deve ser esmagado e misturado mecanicamente.
  • Minimizar a quantidade de ar capturado.
O MHD 2000 tem duas conexões horizontais para líquidos e uma vertical para o material sólido. A fase líquida é normalmente alimentada pela entrada superior através de uma bomba de deslocamento positivo ou de um sistema de alimentação pressurizado. O líquido é introduzido, distribuído através do tambor concêntrico do MHD e doseado para a câmara de pré-mistura através de várias aberturas. O sólido é alimentado verticalmente por uma calha no topo da câmara de pré-mistura, através de um mecanismo de dosagem (alimentador em parafuso, alimentador rotativo, etc.). A seção de alimentação a seco e a câmara de pré-mistura úmida estão separadas por um parafuso de alimentação. As fases líquida e sólida entram em contato nas proporções definidas na câmara de pré-mistura. Ao sair da câmara de pré-mistura, os componentes são imediatamente dispersos por um sistema rotor-estator opcional com ação de alto cisalhamento, produzindo um produto de alta qualidade, livre de aglomerados, em uma única passagem. O produto misturado é descarregado pelo alimentador de gravidade, através do canal de saída de líquidos no ponto mais baixo da unidade.

Este método de umedecimento único foi desenvolvido para minimizar a captura de ar, que pode ocorrer em sistemas de dispersão sólido/líquido baseados no princípio de Venturi.

O volume de produção do MHD pode ser ajustado através do sistema de dosagem. A quantidade de energia necessária, e, por conseguinte, o grau de mistura são determinados pela velocidade e pela configuração de ferramentas escolhida. Os sistemas de dosagem volumétrica são geralmente adequados para processamentos simples, tais como o reabastecimento de tanques ou recipientes de armazenamento. No caso de processamentos completamente contínuos e que exigem elevados níveis de precisão, são utilizadas as bombas de dosagem controladas quantitativamente para os líquidos e balanças de dosagem diferencial para os sólidos. Os resultados são geralmente precisos, com um desvio de 0,5% ou menos.

O sistema de mistura MHD 2000 está disponível em oito tamanhos diferentes com volume de produção entre 60 e 40.000 l/h. Todos os tamanhos operam à mesma velocidade periférica do rotor, assegurando assim as mais confiáveis condições para a expansão de escalonamento.

Configurações de privacidade IKA
Utilizamos cookies no nosso site. Alguns são necessários, enquanto outros nos ajudam a melhorar o site e sua funcionalidade para você. Você pode aceitá-los ou ajustar suas configurações de cookies. Você pode encontrar mais informações em nossa política de privacidade.
Aqui você pode personalizar suas configurações de cookies
Necessário
Estatística
Marketing
Mais Opções
Salvar
Aceitar tudo